Buscar
  • Luis Piccardi

Segurança do Trabalho: um efeito dominó


Vivemos novos tempos na retomada presencial gradativa das empresas. Muito do que era considerado normal antes possui outra conotação atualmente, com mudanças constantes, exigindo novas formas de otimizar processos, bem como adequar o espaço, visando estabelecer protocolos que garantam a segurança sanitária do ambiente.

Quando falamos de pandemia, os profissionais Técnicos em Segurança do Trabalho representam um braço forte nas empresas. Com as habilidades necessárias, eles têm atuado à frente da prevenção da Covid-19 e de outras doenças no ambiente de trabalho, principalmente ao risco biológico, o que tem feito muita diferença na rotina e nos processos que diversos estabelecimentos adotaram durante este período.


O cenário mostra a necessidade de adaptações, mas com atenção baseada em uma visão de longo prazo, visto que os cuidados aos riscos biológicos e todo suporte à vida e segurança sempre foram primordiais para o bom desenvolvimento das atividades em uma empresa. Quase sendo considerados superficiais antes, atualmente os procedimentos realizados por estes profissionais dentro de uma empresa possuem outra entonação para o desenvolver de toda uma cadeia de processos, um atrelado ao outro, como um efeito dominó.

O futuro se encaminha para um cenário pós-pandemia no qual cada profissional terá um papel importante no desenvolvimento de forma sustentável no seu setor. Principalmente quando se trata dos técnicos em Segurança do Trabalho, figuras estratégicas que continuarão atuando na prevenção de acidentes e doenças, garantindo o progresso e produtividade das organizações.


--

Fonte: @Jornal do Comércio

28 visualizações0 comentário